Pensamentos Aleatórios

Repleta de conflitos tanto externos como internos, ergo os olhos, enxergo o futuro que está esperando por mim, e não me deixo abalar pelos tropeços que encontrarei pelo caminho. Fazem parte do processo de evoluir. Evoluir como ser humano, que pensa, fala, discute, erra, mas que principalmente, não tem medo, porque sabe que nunca estará sozinha.

domingo, 11 de agosto de 2013

Dependência ou morte.

Mil pensamentos.

1 tentativa.

Sempre constante.

Aos ouvidos.

Me tirem daqui.

Me salve.

Sempre constante.

Peso. Consciência.

Me deixem em paz.

Quero respirar.

Mil pensamentos e mais um.

Abafa.

Feia. Magra. Sem qualidades.

2 tentativas.

Cadê todo mundo?

Sozinha.

Dependência.

Sexo. Por tentativas desesperadas de auto afirmação.

"Eu não preciso dele".

Dependência.

Corte.

3 tentativas.

Mil pensamentos e mais dois.

Ninguém entende.

Sempre constante.

SAI DA MINHA CABEÇA.

Vodka.

Amnésia.

Sempre constante.

Amor? Não conheço.

4 tentativas.

NÃO SIRVO NEM PRA ISSO.

"Sai comigo?"

Me beija. Me enlouquece.

Vai embora.

Amigos.

"Sai comigo?"

Sexo. Por dó, será?

Amigos.

Como qualquer uma.

Sempre constante.

Mil pensamentos e mais três.

Conhecidos.

ELE NUNCA VAI ME PERDOAR.

"A fila anda".

NÃO CONSIGO MAIS

Culpa.

"Mãe, me deixa voltar pra casa?"

Sonhos que não conseguem mais me erguer.

Psiquiatra.

Sertralina + calmante

Tente outra vez.

Amar de novo? Não, obrigada.

Terço. Sempre um antes de dormir.

Mil pensamentos e mais quatro.

Não mais tentativas.

Ainda dependência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário